segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Dica de leitura: Alucinadamente feliz

 

Livro: Alucinadamente feliz
Autor:  Jenny Lawson
Ano:2016
Páginas: 352
Editora: Intrínseca

Sinopse

Jenny Lawson está longe de ser uma pessoa comum. Ela mesma se considera colecionadora de transtornos mentais, já que é uma depressiva altamente funcional com transtorno de ansiedade grave, depressão clínica moderada, distúrbio de automutilação brando, transtorno de personalidade esquiva e um ocasional transtorno de despersonalização, além de tricotilomania (que é a compulsão de arrancar os cabelos). Por essa perspectiva, sua vida pode parecer um fardo insustentável. Mas não é.
Após receber a notícia da morte prematura de mais um amigo, Jenny decide não se deixar levar pela depressão e revidar com intensidade, lutando para ser alucinadamente feliz. Mesmo ciente de que às vezes pode acabar uma semana inteira sem energia para levantar da cama, ela resolve que criará para si o maior número possível de experiências hilárias e ridículas a fim de encontrar o caminho de volta à sanidade.
É por meio das situações mais inusitadas que a autora consegue encarar seus transtornos de forma direta e franca, levando o leitor a refletir sobre como a sociedade lida com os distúrbios mentais e aqueles que sofrem deles, sem nunca perder o senso de humor. Jenny parte do princípio de que ninguém deveria ter vergonha de assumir uma crise de ansiedade, ninguém deveria menosprezar o sofrimento alheio por ele ser psicológico, e não físico. Ao contrário, é justamente por abraçar esse lado mais sombrio da vida que se torna possível experimentar, com igual intensidade, não só a dor, mas a alegria.



Resenha

Hoje venho com uma resenha maravilhosa desse livro que está enlouquecendo muitos corações e mexendo com os sentimentos das pessoas.

Parece que virou uma “febre” e por onde passo vejo que as pessoas sentem vontade de ler essa obra.
Por esse motivo antes de realizar a resenha eu quis presentear uma pessoa aqui no blog realizado um sorteio que por sinal foi maravilhoso e fiquei muito feliz em poder realizá-lo (em breve terão outros rs)

Vamos a resenha...

Esse livro nos conta a história de Jenny  Lawson que sofre de depressão e transtornos mentais, como a própria autora descreveu é um livro engraçado sobre coisas horríveis.


Esse livro é uma espécie de diário onde ela conta como vive (convive) com a sua doença de uma forma onde tenta viver normalmente. Ela mostra que viver intensamente curtindo os dias mais felizes é primordial na vida. Ela detalha a vivência dela com seu marido e como ele reage e ajuda/ apoia com essa doença.
Nesse livro mostra como os dias também podem ser desesperadores, mostra tudo de uma maneira divertida.

No livro encontramos os diálogos que ela tem com seu marido, as brigas e várias imagens. A capa é simplesmente incrível eu amei esse guaxinim, é um bichinho empalhado da própria Jenny que é apaixonada por animais.

Nesse livro que mexe tanto com a nossa emoção e sensibilidade mostra uma outra visão de como é ser normal

Eu simplesmente amei essa leitura e super recomendo.
Vocês já leram? Gostaram?


Beijos e até a próxima.




sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Dica de hoje: Como deixar o link do seu blog nos comentários


Olá amores!

Hoje o post será bem curtinho. Vim aqui para ajudar muitas pessoas da mesma forma que eu fui ajudada por alguém um dia (não sei quem escreveu o post, não lembro aonde li isso, mas, vim dividir o pouquinho que sei com vocês)

Eu fico tão feliz quando recebo uma visita no meu blog. Acredito que todos ficam muito felizes. Não é?

Então.. Que tal facilitar a vida de todo mundo deixando o link do seu blog quando for deixar um comentário no blog da amiguinha (o)?

Fica bem mais rápido e fácil para que consigamos visitar todos com mais rapidez, é só clicar que direcionar direto para a página em questão.

É super fácil e aprendemos rapidinho.  Vamos lá?
Esse abaixo é o link que deve ser copiado e preencher o que está em letras maiúsculas:

<a href=http: LINK DO SEU BLOG > NOME DO SEU BLOG</a>



Espero que tenham gostado desse post. alguém aqui já faz isso?
Qualquer dúvida só deixar nos comentários que respondo todos.

Um super beijo e até a próxima!


quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Entrevista com a blogueira Juliana Ferreira


Olá meus amores.

Hoje o post é mega especial. Estou com Ju do blog Pimenta de açúcar, eu a convidei para participar desse quadro onde entrevisto as blogueiras e ela aceitou de imediato. Eu acompanho o trabalho dessa linda há um tempo e acho maravilhoso.

Uma menina super simpática e carismática, amei demais essa oportunidade de entrevistá-la. Vamos a entrevista e em seguida quero todos vocês indo conhecer o blog dessa linda que eu passei a admirar ainda mais rs

Nome: Juliana Ferreira ( Prefiro que me chamem de Ju).
Idade: 26 anos (isso mesmo)

Como você começou no mundo da blogosfera? O que fez você criar seu blog? E quando você criou? 
Eu comecei há três anos, depois que terminei a faculdade de Ciências Contábeis, pois foi uma forma de me ajudar as minhas amigas que sempre pediam dicas, de início não queria muito pois achava que não ia dar em nada, mas Graças a Deus deu tudo certo. Eu criei ele dia 03/11 então está fazendo aniversário o que para mim hoje é um filho que amo demais. 

De onde surgiu o nome do blog?
Personalidade, assumo que sou muito calma mas quando pisam no meu calo me estresso bastante, então fiz essa brincadeira com o nome.

Qual sua profissão e o que te fez escolher essa área?
Sou Contabilista, amo essa área sempre quis trabalhar nela, adoro me perder em números e ficar horas analisando é algo que me diverti.

Você tem o blog como o seu trabalho, como hobbie, ou como os dois? 
Como os dois, ele é minha válvula de escape, amo escrever, ficar nele mas ao mesmo tempo é meu trabalho e tem toda a responsabilidade de cuidar e administrar.

Onde quer chegar profissionalmente?
Eu quero ter uma carreira estabilizada, ser reconhecida por ele e com isso criar minha própria marca.

Observo que sempre tira um tempo para estar atualizando o blog. De onde vem tanta inspiração?
Quando criei o blog sempre foquei em bloggers grandes como Bruna Tavares, Camila Coutinho, a Lu do Chata que tinha conteúdo diário, antes era um pouco complicado mas hoje com as resenhas, livros, looks e canal consigo equilibrar e fica mais fácil escrever diariamente.

A blogosfera está vivendo um momento de muitos acessos hoje. Você tem medo de que, no futuro, ela não seja mais tão acessada?
Acredito que a tendência é só crescer, vivemos num mundo on line hoje em dia, quando vamos viajar procuramos blog, quando vamos comprar algo o mesmo e com isso só tende a crescer e ter mais acessos e ferramentas para ajudar nisso.

O que você acha mais legal na vida de blogueira?
Gosto dos eventos, das oportunidades de conhecer o novo de estar no mesmo ambiente com alguém que a gente admira, está sempre pesquisando e a frente para trazer as novidades, isso é único.

O que é mais difícil?
Reconhecimento, a gente trabalha demais e muita gente não entendi isso, acha que somos fúteis ou a toas, ainda bem que essa mentalidade está mudando.

Como você se vê? E quais os sonhos que você ainda gostaria de realizar?
Eu me vejo no caminho certo, sei que estou fazendo é para ajudar e agregar. Quero muito viajar pelo mundo e conhecer novas culturas.

Bate bola

Família: Meu Tudo
Uma comida: Lasanha
Uma frase: Nunca desista dos seus sonhos.
Vida: Para ser vivida.
Felicidade: Alegria.
Blog: Meu bebê.

Estou encantada com essa entrevista. Amei demais poder realizá-la.
Espero que tenham gostado.

Beijos e até a próxima!

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Provei e aprovei – Wafer com recheio de creme com cacau


Olá meus amores!

Hoje vim indicar um produto que comprei, comi e amei.

Sempre amei experimentar sabores novos. Fui fazer compras com a minha mãe vi essa caixinha e resolvi comprar para provar. Assim que comi pensei em resenhar para vocês.

É um biscoito pequeno com uma casquinha maravilhosa e quando mordemos tem um chocolate maravilhoso que desmancha na boca e vicia. É uma delícia!!!

O wafer é da marca Lacta, tem um sabor maravilhoso. Mas, digo que devemos comer com moderação, esse produto ENGORDA (hahahahahaha). 

Para quem está mantendo uma vida mais saudável tenho uma dica de cereal maravilhosa aqui.

Para quem tem intolerância a lactose, soja ou algum outro desse tipo NÃO pode comer. Tem outros bem saborosos que vocês podem usufruir.


Alguém já comeu esse?  O que acharam?

Beijos e até a próxima.




sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Dica de leitura: Não tenha medo de ser chefe


Autor: Bruce Tulgan
Editora: Sextante
Ano: 2009
Páginas: 190

Olá meus amores!

Hoje venho trazer uma dica de leitura super legal.
Um livro um tanto diferente e bem criativo; escrito de uma maneira que podemos imaginar o nosso cotidiano.
Esse livro mostra detalhadamente situações dentro de uma empresa entre chefe e subordinado. Não estou dizendo que esse livro é só para quem deseja ser chefe, estou querendo deixar claro que todos que vivem numa sociedade deveriam ler.

Esse livro aborda um funcionário em questão: o gerente!
É aquele profissional que está acima dos empregados (de forma geral) e abaixo do dono da empresa.

Esse é um livro composto por 10 capítulos onde o primeiro aborda o subgerenciamento e mostra com exemplos como isso acontece no dia a dia.

No capitulo 02 aborda o assunto de como gerenciar um grupo de pessoas. Mostra que se não soubermos gerenciar a nossa vida e nossa maneira de agir não serviremos para liderar.

No 03 fala da importância de separar amizade e trabalho. Tem hora para cada ocasião e isso é algo que pode desestruturar muitas equipes. Aborda como devemos iniciar a forma de gerenciamento.

No 04 mostra que para cada pessoa há uma maneira diferente de falar ou agir. As pessoas necessitam de coisas diferentes e um líder deve saber apreciar e identificar  isso.

No capitulo 05 deixa claro como devemos responder pelos nossos próprios atos. Se somos parabenizados foi mérito nosso e se somos chamados atenção é a hora de ver onde estamos errando.

Vem agora a parte que eu gosto muito. No capitulo 06 mostra que delegar é uma arte. A pessoa tem o poder de delegar mas, deve saber a diferença entre delegar e mandar.

No 07 mostra como o gerente deve acompanhar o desempenho de cada funcionário e ver se ele passou de maneira clara o que ele espera de cada um.

No capitulo 8 mostra como deve-se resolver os problemas enquanto são pequenos. Pois se não tiver a atitude correta esses pequenos problemas podem crescer a ponto de virarem uma avalanche.

Já o capitulo 9 o autor fala que as pessoas nem sempre merecem ser tratadas da mesma maneira, mas sim tratadas de acordo com a sua produtividade (tem que saber que cada individuo tem uma capacidade para realizar cada tarefa e deve saber distinguir isso). Ele usa histórias bem comuns para provar isso.

No 10 e útimo capitulo mostra como começar a colocar em prática todas as técnicas que foram abordadas nesse livro. Deixa claro por onde devemos começar!

Tenho esse livro há muito tempo e só hoje resolvi resenha-lo.
Logo assim que criei o blog comecei com as resenhas, sei que diminui no meio do caminho mas, sinto muita falta de passar um mês inteiro sem deixar aqui no blog uma resenha.

Espero que tenham gostado dessa. Quero saber se já leram e se gostaram.


Beijos e até a próxima!
 

criado e codificado para o Meu mundo secreto
cópia proibida © 2015